Pular para o conteúdo principal

Minha Pasárgada



Toma-me o tempo, meus passos leves, bruma espumas de cachoeira, escuto a natureza cantar pra mim. Volto descalço, com os pés molhados, sinto um chão rochoso a beira da cachoeira, terra molhada com grama e musgo, depois piso areia, enfim folhas secas, o caminho distante é poesia. Distancia também é beleza.  A cálida noite chega suave e a lua me beija, traz um manto frio que cobre o rio de névoa, marrecos e gansos a passarem para algum lugar de abrigo, tudo é poema. Faço uma fogueira e abraço o violão, a companhia as vezes vinha, as vezes não. A noite não tem tempo, não tem hora nem limite, termina com a luz do horizonte

      O sol quando acende anuncia coisas novas, mundo novo, o mesmo mundo de um novo dia. A manhã tem um sabor singular. Minha filosofia insiste em dizer que vida é movimento,  uma dança. O som das aguas correndo soa como uma valsa e um canto que diz "não há pressa".

      Sempre há uma nova canção. As tardes são recheadas de liberdade. Cabem cansaços e preguiças, cabem vontades, de qualquer tipo ou sorte. Não há revolta para alguma desatenção, na minha Pasárgada sempre  há um amanhã. A lei é tão somente pura e crucial: Sem pressão, sem cobrança, sem medos. Liberdade. Não há tédio - tédio é falta de ideias - não há solidão - só se quiser.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Minha menina

Por traz desta nuvem cheia de raios Existe um olhar Cheio de lágrimas
Sorriso maduro, um céu de veludo O sol se põe a descansar E minha menina vem dançar Na chuva
Vai que o mundo é Teu Gira sem se preocupar As águas que caem Lhe molham o rosto E levam as lágrimas
Por traz dessa esfera Menina tão bela Existe um coração a palpitar
Se lança no escuro, não se sabe o rumo Tem medo, precisa se arriscar Minha menina Sozinha
Vai que teu segredo é meu Vai que eu fico a te esperar As águas que caem Levam teus passos Mas não levam o meu olhar
Os passos são dela A vida que espera Minha menina vai buscar
Não olha o passado, não vê nada errado Há dores que tem que carregar Minha menina Partiu
Vai que teu sorriso é meu Vai te espero se voltar As águas que caem Molham teu corpo Levam minhas lágrimas.

Agrura

Confidências de traição Sussurros na escuridão E lágrima solitária caía
O começo de sua maldição Lembranças de uma ilusão Enquanto ali sentado ele apenas via A vida passar
Sentimentos de confusão Lhe perturbam o coração E a alma tão escondida vazia
A alegria em morbidão Fragmentos de uma paixão Enquanto ali bebendo ele apenas via A vida passar
Seu algoz eram suas mãos Só errava em cada decisão As lembranças só lhe causavam grande agonia
Seu tormento em profusão Derrotado em seu próprio chão A esperança morta em seus braços E ele nem sabia
Enquanto ali parado ele apenas via A vida passar

O silêncio era um grito então O seu corpo escória e prisão Da alma moribunda que já nem sentia
Mergulhado em sua solidão Pensamentos de aflição Agonizando no peito a alegria
Enquanto ali chorando ele apenas via A vida passar
Palavras não curavam A dor que ele sentia A morte lhe tentava  Mas o orgulho lhe impedia Então quis rezar E acreditar Que Deus ouviria

Lembranças

Este texto só dará certo se você ainda lembrar
Quero voltar na noite em que te conheci Quero voltar e viver as emoções que senti Quero voltar no momento onde toquei tuas mãos E beijei tua face pela primeira vez
Quero voltar no momento onde entrei no teu olhar Quero voltar quando o meu sorriso respondeu ao teu Quero voltar onde disse pela primeira vez: amo você
Deus escreveu nossa história nas linhas do tempo E resolveu publicá-la Em nossos corações
Onde as muitas águas não afogam Onde as chamas não consomem em fogo Onde não se perde com o vento e tempo Onde o homem não rouba nem mata
Acordei com o sabor de lembranças amargas e alegres na boca: Pudim de limão!
É sempre bom lembrar, olhar para trás nos faz comparar passado e presente e ver o quanto amadurecemos, também é bom pra idealizarmos o futuro pra entender o quanto ainda precisamos nos aprimorar, ver e entender todo o desenvolvimento da nossa vida, identificar a gradação de nosso destino e talvez aumentar nossa fé nos sonhos de fu…