O mundo é uma festa

sexta-feira, 27 de julho de 2012 1 comentários




O mundo é uma festa
Que ninguém me tirou para dançar
O mundo é uma peça
Onde eu aprendo a interpretar

O mundo é uma torta de hortelã
O mundo é um suco de maçã
E tudo que eu puder aproveitar

O mundo é uma lágrima
Que se converte no teu olhar
O mundo é a espera
De um grande amor chegar

O mundo são os olhos dela
A me hipnotizar
O mundo é tudo o que ela diz
Pra me agradar

O mundo é teto do porão
O mundo é sombra da prisão
Que não liberta

O mundo é um astro a despencar
É o amarelo a cintilar
O mundo é azul lá fora
Aqui dentro é cor de abóbora

O mundo é uma poesia
Que ninguém consegue interpretar
O mundo é a primazia
Da arte de amar

O mundo é alguém que me amou
O mundo é também quem me desprezou
É o inimigo a me beijar
É o caos na minha cama

O mundo é soberbo e é ganancia
É ostentação e arrogância
O mundo é imperfeito e dor

O mundo é sínico a me olhar
É tão amigo ao me abraçar
O mundo é rico de ilusão
E pobre de paixão
Mas meu mundo é ela
Mas meu mundo é ela
Izabela

1 comentários:

  • Nair Pessoa disse...

    LINDO! LINDO! LINDO! PERFEITO!!!!!!!!!!! Amei de paixão!!!! Inscreva esse poema no concurso de poesias!!!!Olha o site! http://guardioesdaluz.com.br/forum/index.php?/topic/36-abertas-as-inscricoes-para-o-ii-concurso-de-poesias-e-poemas/ TEM MUITA CHANCE! Se ganhar vai pra um livro publicado!!! PARABÉNS!

Postar um comentário

Sem contemplação, o interessante é a participa-ação, Comente bem

 

©Copyright 2011 O narrador | TNB