Pular para o conteúdo principal

Amor




Porque eu sei que é amor, não te peço nada em troca... - Titãs

Enfim o ódio que julgavas ser antítese do amor, é, senão, o próprio amor que adoeceu gravemente - Chico Xavier
Amor não se promete - Rubem Alves
Eu sei que vou te amar - Vinícius de Moraes 
O seu amor é tão forte, mais que o inferno e a morte, são torrentes que arrebentem o chão, mais fácil secar os mares e apagar estrelas tais que arrancar o amor do seu coração – Stenio Marcius
Jesus é Deus, é Amor que se fez carne

            Me diga andorinha que já voou o mundo inteiro, em que momento de faltou o céu, pois se não, sei que não me faltará amor
           Me diga pequeno peixe, em que momento lhe falou o as águas, pois se não, sei que não me faltará amor

Amor é festeiro, no carnaval se pinta, samba, se faz nas rodas, nas moças e nos foliões, nos corações apaixonados ou não, se fantasia de toda Arte e o ano todo veste várias roupas, poesia, música, teatro, dança, família, amigos, sexo, trabalho, sim trabalho.
Amor é a pura essência da vida, é simples e livre de qualquer mácula, empecilho e complicação. Amor é amor, é Deus vivendo dentro do homem. Ninguém promete amor, porque ele apenas vem, quando é conveniente, não é como uma flor previsível na primavera ele também pode se abrir no inverno e exalar seu perfume a todos, mas apenas os que inspirarem  e internalizam seu cheiro podem vive-lo. Ninguém o vende nem o exige, porque amor se doa, se cria, se pede, tendo nada como moeda de troca, nem o amor, porque amor não se pondera apenas se entrega apenas se tem porque se tem.
Amor é substantivo, amar é o verbo, amor está no conceito, na ideia, na cabeça, agora amar esta nas mãos, nos pés, no abraço, no beijo, está no coração que pulsa e espalha pra todo o corpo, por esta razão têm muitos que têm amor, mas que não amam.
Amor se revela nos atos quando o amor é traduzido para as diversas formas de amar, porque quem ama age de uma maneira única, quem é amado sabe desde crianças como se amar, mas também amor é um dom, dom que todos pensam tê-lo, mas não, amor é restrito, é exclusivo, exclusivo a todos, sim a todos, porque é um dom condicional, exige apenas que o aceite e que o deixe manifestar em todos os gestos, os que não têm este dom é porque o rejeitaram, mas a qualquer momento podem se resignar ao amor. Existem os que apenas têm amor e acreditam que amam, existem os que são amados apenas por Deus e mesmo assim conseguem traduzir esse amor em amar.
Amor é a nona de Beethoven que totalmente surdo, escreveu a melhor canção, uma ode a vida, poderia dizer que naquela partitura encapsulou a amor, poderia sim, mas ai não seria mais amor e apenas mais uma canção.
Amor é uma folha seca que cai no outono, toca em sua mão e deve beijada pelo vento para ir pra onde quer que queira e ser seguida, porque se agarrada com violência quebra, vira pó e deixa de existir.
É esse Amor que é Amor, os restos são genéricos e bijuterias baratas, é o amor que eu quero, em todas suas extensões, Filéo, Ágape e Eros. Amor que ama, Amor que sente e transpira, Amor que inspira, Amor que auxilia, Amor que não pondere amor.


1 Coríntios 13
Ainda que eu falasse as línguas dos homens e dos anjos, e não tivesse amor, seria como o metal que soa ou como o sino que tine.
E ainda que tivesse o dom de profecia, e conhecesse todos os mistérios e toda a ciência, e ainda que tivesse toda a fé, de maneira tal que transportasse os montes, e não tivesse amor, nada seria.
E ainda que distribuísse toda a minha fortuna para sustento dos pobres, e ainda que entregasse o meu corpo para ser queimado, e não tivesse amor, nada disso me aproveitaria.
O amor é sofredor, é benigno; o amor não é invejoso; o amor não trata com leviandade, não se ensoberbece.
Não se porta com indecência, não busca os seus interesses, não se irrita, não suspeita mal;
Não folga com a injustiça, mas folga com a verdade;
Tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.
O amor nunca falha; mas havendo profecias, serão aniquiladas; havendo línguas, cessarão; havendo ciência, desaparecerá;
Porque, em parte, conhecemos, e em parte profetizamos;
Mas, quando vier o que é perfeito, então o que o é em parte será aniquilado.
Quando eu era menino, falava como menino, sentia como menino, discorria como menino, mas, logo que cheguei a ser homem, acabei com as coisas de menino.
Porque agora vemos por espelho em enigma, mas então veremos face a face; agora conheço em parte, mas então conhecerei como também sou conhecido.
Agora, pois, permanecem a fé, a esperança e o amor, estes três, mas o maior destes é o amor.




Comentários

  1. Ronaldo, falar do amor nos emociona, nos deixa em êxtase pois o amor vai muito mais além da matéria. O amor é energia pura, divina. Por isso, Coríntios 13 nos diz que nada vale neste mundo, nem mesmo falar a língua dos anjos, se não tiver amor... E quem não tem amor é cruel. É cruel porque não aprendeu a amar. Lindo seu texto! Bjs

    ResponderExcluir
  2. Realmente o amor é muito lindo! O amor vai além da vida, costumo dizer que quem não ama não vive! Amar é viver, não sei o que seria de mim e do meu próximo se não existisse o amor! Parabéns meu amigo, belo texto! Bjs

    ResponderExcluir
  3. Lindo seu texto Príncipe poeta Ronaldo.
    Obrigada por apresentar-me seu lindo Blog,lendo com carinho cada texto seu, sua forma de expressar o amor é suave e divina, Vc esterna ao escrever o seu coração e sua alma. Parabéns.
    BeiJanesss no coração.
    Jane Di Lello.

    ResponderExcluir
  4. Que lindo!!!!
    O texto mais lindo que li seu.
    é isso. Amor é isso.

    Mil bjos.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Sem contemplação, o interessante é a participa-ação, Comente bem

Postagens mais visitadas deste blog

Minha menina

Por traz desta nuvem cheia de raios Existe um olhar Cheio de lágrimas
Sorriso maduro, um céu de veludo O sol se põe a descansar E minha menina vem dançar Na chuva
Vai que o mundo é Teu Gira sem se preocupar As águas que caem Lhe molham o rosto E levam as lágrimas
Por traz dessa esfera Menina tão bela Existe um coração a palpitar
Se lança no escuro, não se sabe o rumo Tem medo, precisa se arriscar Minha menina Sozinha
Vai que teu segredo é meu Vai que eu fico a te esperar As águas que caem Levam teus passos Mas não levam o meu olhar
Os passos são dela A vida que espera Minha menina vai buscar
Não olha o passado, não vê nada errado Há dores que tem que carregar Minha menina Partiu
Vai que teu sorriso é meu Vai te espero se voltar As águas que caem Molham teu corpo Levam minhas lágrimas.

Agrura

Confidências de traição Sussurros na escuridão E lágrima solitária caía
O começo de sua maldição Lembranças de uma ilusão Enquanto ali sentado ele apenas via A vida passar
Sentimentos de confusão Lhe perturbam o coração E a alma tão escondida vazia
A alegria em morbidão Fragmentos de uma paixão Enquanto ali bebendo ele apenas via A vida passar
Seu algoz eram suas mãos Só errava em cada decisão As lembranças só lhe causavam grande agonia
Seu tormento em profusão Derrotado em seu próprio chão A esperança morta em seus braços E ele nem sabia
Enquanto ali parado ele apenas via A vida passar

O silêncio era um grito então O seu corpo escória e prisão Da alma moribunda que já nem sentia
Mergulhado em sua solidão Pensamentos de aflição Agonizando no peito a alegria
Enquanto ali chorando ele apenas via A vida passar
Palavras não curavam A dor que ele sentia A morte lhe tentava  Mas o orgulho lhe impedia Então quis rezar E acreditar Que Deus ouviria

Meu Ponto e Vírgula;

Já sofreu depressão? Já teve pensamento suicida? Bom, eu já. Talvez você pense que isso é coisa de gente fraca, gente pequena, gente sem Deus, aí que se engana meu amigo, essa gente pensa muito mais profundo que você, elabora questões muito mais complexas do que sua inteligência consegue entender.

        A própria Bíblia mostra que somos governados por nosso coração e o que governa nosso coração governará a nossa vida (Mt 6:21; Mt 15:19; Sl 141:4). A forma como nos relacionamos com as pessoas e as situações é um reflexo do que governa nosso coração, como por exemplo a negação de Pedro, mesmo sabendo o que era certo a se fazer, negou a Cristo por medo da morte. Nossas ações e emoções, são da forma que interpretamos a realidade, Pedro interpretou que os homens, naquele momento, eram maiores que Jesus e que estaria em risco falando a verdade sobre o Cristo, embora Jesus havia lhe ensinado a não temer os que matam o corpo (Mt. 10: 16-33).

       Ainda em textos bíblicos, nos deparamos c…