Canção de fim do dia

sexta-feira, 6 de abril de 2012 0 comentários


Na resplandecência, luz
O som do infinito, o barulho das estrelas, o amor, o que é bonito

Dispara o grito da paixão
Aparência, sensatez, traz tudo pra mim, quero me descobrir de vez

Esplendor e glória
Majestade, rei, desfalece o império, nasce a nova lei

Realizar a ideia, pratica ação
Nasce a nova ordem, muda, transformação

Força, fortaleza, compaixão, abrigo
Compreensão do ser preenche o vazio

Eu quero mais e mais, eu quero ir além
Romper com meus limites e ser feliz também

Como quem não tocou o céu
E quem o inferno já viveu, quem quer a diferença muda sua crença

Como deixar de acreditar e procurar fazer
Como deixar de esperar e se lançar pra ver acontecer

Hoje já supri minha cota de imaginação
Já me enchi com o vazio dessa solidão

Eu vi a luz da escuridão
Senti o aperto da minha própria mão

Ah! Eu ouvi o som do meu coração
Quer quer descansar... quer descansar

0 comentários:

Postar um comentário

Sem contemplação, o interessante é a participa-ação, Comente bem

 

©Copyright 2011 O narrador | TNB