O segredo das grandes mentes

domingo, 11 de dezembro de 2011 0 comentários
           Inteligência é a capacidade de raciocinar, de existir como na descrição de Descartes (“Penso logo existo”). É claro que a inteligência de uma pessoa é medida pelo seu conhecimento, toda informação que ela armazena, como agora enquanto você lê este texto não imagina a profundidade deste assunto, até ir lendo o desfecho e desenvolver seu intelecto ao entrar em contato com informações que outrora você não tinha. Como chegar ao um estágio de Q.I. (Quociente de inteligência) elevado do comum é o objetivo.
           O segredo de uma mente inteligente são suas fontes, quem se lê, se escuta, se admira. Se você conhece alguém que lê Immanuel Kant logo deduz que é uma pessoa de opinião crítica, porque você conhece a fonte que a alimenta, mas é muito mais abrangente do que parece. As fontes são influencias, vão construir alguém, não instantaneamente, mas vão levar a definir a sua forma, onde se junta várias fontes até chegar a sua crítica pura. Outro segredo é conter fontes catedráticas em diferentes assuntos, por exemplo, alguém que gosta de música pode se inspirar em um grande músico, mais também em um escritor, antropólogo, filosofo, em fim, envolver variedades de assuntos e ideias. As mentes mais brilhantes também tiveram suas fontes, suas influencias como Kafka foi influenciado por Robert Walser, Galileu por Copérnico, o próprio Einstein influenciado por Hume, Mach e Poincaré entre inúmeros que nem terminaria esta lista. A intenção não é discutir a origem de tudo isso, saber qual foi o primeiro, embora fonte remeta a essa ideia, mas sim revelar que o segredo de um intelecto desenvolvido e inteligente é sua fonte ou suas fontes. 
            Quem lê autoajuda diz autoajuda, quem escuta MPB canta MPB, a árvore é conhecida pelo seu fruto, se quero ser um pensador, crítico, lógico e racional, se quero ser inteligente devo buscar em quem foi, devo escolher a fonte que eu quero ser.
             Poderia continuar este texto em mais uma miríade de linhas, mas as fontes são pra te levar a formar sua opinião, então busque sua fonte e desenvolva sua própria ideia.

Para se aprofundar e entrar em contato com outra fonte leia:
http://cloneseoriginais.blogspot.com/2011/07/clones-e-originais.html

0 comentários:

Postar um comentário

Sem contemplação, o interessante é a participa-ação, Comente bem

 

©Copyright 2011 O narrador | TNB